Os melhores livros de 2017 que você não vai conseguir parar de ler

os melhores livros de 2017

O fim do ano se aproxima e, como tal, é hora de contar todos os momentos que vivemos, os sorrisos que demos e, claro, aqueles novos livros que chegaram para ampliar nossas livrarias. Um ano resolvido com estes melhores livros de 2017 que pode ser uma boa maneira de começar o próximo 2018 entre as melhores histórias.

Os pacientes do doutor García: Episódios de uma guerra sem fim, de Almudena Grandes

os pacientes da doutora garcia de almudena grandes

Apesar de intercalar trabalhos individuais durante seus últimos anos, Almudena Grandes se concentrou em perpetuá-la série de livros sobre o pós-guerra incluídos por Inés e a alegria, a leitora de Júlio Verne, os três casamentos de Manolita e, o mais recente, os pacientes do doutor García, publicado em 2017. Um romance de espionagem que liga várias conspirações da Segunda Guerra Mundial e da Espanha do pós-guerra com sede em Madrid, mais especificamente a existência de uma organização clandestina de fugitivos do Terceiro Reich em que dois velhos amigos da Guerra Civil vão tentar infiltrar.

4 3 2 1 de Paul Auster

4 3 2 1 por paul auster

Após sete anos de silêncio, Auster voltou este ano com um novo livro debaixo do braço. Um tour de a origem racial dos Estados Unidos da segunda metade do século XX através dos olhos de Ferguson, um jovem experimentando as emoções e sentimentos de quatro vidas diferentes. Viagens que nos mergulham nas diferentes perspectivas do amor, da solidão ou da sociedade vistas a partir de um mesmo personagem. Viciante e robusto, 4 3 2 1 confirma a capacidade de Auster de levá-lo ao solo e fazê-lo navegar de uma história a outra quase sem perceber. Um dos melhores livros de 2017.

O monarca das sombras, de Javier Cercas

o monarca das sombras por cercas de javier

O último romance de Javier Cercas é o mais sentimental do escritor por muitos motivos, até porque fala do tio-avô do autor, Manuel Mena, considerado falangista e que morreu aos 17 anos durante a Guerra Civil Espanhola. Uma história que reconcilia Cerca com um passado do qual ele se envergonhava antes de começar e que não é apenas um relato cruel da luta, mas também um alvo para os medos internos do próprio escritor.

Surrender, de Ray Loriga

resgate de ray loriga

Um dos grandes nomes dos chamados realismo sujo espanhol, Ray Loriga, voltou este ano com um novo livro, Surrender, por sua vez vencedor do Prêmio Alfaguara Novel 2017. Uma obra em que Loriga nos submerge em dois mundos, um real e outro fictício evocado pela Cidade Transparente, cujo elo comum é a visão da guerra do exterior. Confrontos diluídos pela manipulação e pela dor de um pai que viaja com a mulher e o filho, o pequeno Julio.

A Pillar of Fire por Ken Follett

um pilar de fogo por Ken Follett

Sobre 150 milhões de livros vendidos, Ken Follett é um dos grandes nomes do best-seller da atualidade, sendo A Pillar of Fire o último livro publicado pelo autor britânico. A terceira parcela da conhecida saga de Os Pilares da Terra narra a volta para casa do jovem Ned Willard, numa época em que a famosa Catedral de Kingsbridge testemunhou a causa que virou toda a Europa contra a Inglaterra: a coroação de Elizabeth I, que se recusa a deixar o trono desdobrando infindáveis ​​estratagemas para impedir qualquer ataque ou insurreição contra ele.

O fogo invisível, de Javier Serra

o fogo invisível de javier sierra

Considerado um dos melhores contadores de histórias do nosso país, Serra venceu o Planet Award 2017 graças ao seu último trabalho, publicado em novembro passado. Seguindo na esteira daqueles livros que sempre tentaram fornecer respostas para enigmas para os quais a humanidade ainda não encontrou soluções, The Invisible Fire apresenta David Salas, um linguista do Trinity College Dublin que está prestes a investigar a relação entre o Santo Graal e Espanha após o desaparecimento de um dos alunos de sua velha amiga, Lady Goodman. Um dos livros deste Natal, sem dúvida.

Indomável, por @srtabebi

indomável por srtabebi

A literatura sofreu grandes mudanças nos últimos anos graças ao poder da redes sociais. o microliteratura, ou a capacidade de um autor de alcançar futuros leitores por meio de novas e frescas formas de expressão tornou-se realidade, e um dos melhores exemplos é o sucesso de Indomable, um livro de @srtabebi concebido por esta loira e feminista que surgiu no Instagram como "uma granada."

The Hate You Give, de Angie Thomas

o ódio que você dá de angie thomas

Depois do fenômeno Preto Vidas Matéria Provocado pela candidatura de Donald Trump à presidência dos Estados Unidos, The Hate You Give chega no momento certo para refletir sobre a situação racial nos Estados Unidos. Necessário e difícil, o livro de Angie Thomas aborda um tiroteio que marcará para sempre a vida de Starr, uma jovem negra que mora entre sua favela e um colégio em um subúrbio branco. Um dos livros de maior sucesso do ano do outro lado do Atlântico e uma leitura obrigatória nestes tempos difíceis.

O Ministério da Suprema Felicidade, por Arundhati Roy

ministério da felicidade suprema de arundhati roy

Vinte anos depois de O Deus das Pequenas Coisas, Livro que a tornou conhecida pelo mundo, que vendeu milhões de cópias e ganhou o Prêmio Booker em 1997, a indiana Arundhati Roy estava voltando este ano com uma nova história. O ministério da felicidade suprema fala de todos, de tudo; um mosaico de personagens entre os quais se destaca Anyum, anteriormente denominado Aftab, membro do considerado "terceiro sexo" que se instala num cemitério junto com outros personagens que definem aquela Índia mística e desigual descrita sem igual pela qual é uma das os grandes contadores de histórias asiáticos do nosso tempo.

Berta Isla, de Javier Marias

berta isla por javier marias

Qualquer dia, um dia "estúpido", condicionará o resto de sua existência. Esta é a premissa do último e poderoso livro da autor de coração tão branco. Um romance que aborda a história de amor de Berta Isla e Tomás Nevinson é interrompido quando a Coroa olha para Tomás, um homem dotado de sotaques, testemunhando uma evolução que muda para sempre sua relação com a esposa.

Quais são os melhores livros de 2017 para você?


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Um comentário deixe o seu

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.

  1.   RODRIGO SEVILLA COBO dito

    Pacientes do Dr. Garcia, um bom livro de Almudena Grandes, mas se estende muito além de dois terços do livro e perde um pouco o interesse. Parabéns ao escritor.

bool (verdadeiro)