Jane Austen: livros

Jane Austen

Jane Austen

Jane Austen foi uma renomada romancista do século XNUMX, suas obras são consideradas clássicos da literatura inglesa. Seu romance mais marcante foi Orgulho e Preconceito, uma história romântica ambientada na época, publicada anonimamente em 1813. Durante séculos, essa narrativa serviu de inspiração para outros autores, além de ser adaptada para as telas em diversas ocasiões.

Austen capturou um estilo único e dinâmico, carregado com a vida cotidiana, moralismo e com descrições precisas das tradições da sociedade daquele período. Muitos advogados a consideram uma escritora conservadora, embora os atuais críticos feministas sustentem que ela foi uma defensora fiel das mulheres. Em 2007, a vida do escritor foi levada para o cinema, com o filme: Tornando-se Jane.

Biografia

Jane Austen nasceu em 16 de dezembro de 1775 na pequena cidade inglesa de Steventon, no norte de Hampshire. Seus pais eram o reverendo anglicano George Austen e Cassandra Leigh. Ela foi a penúltima filha dos oito filhos do casamento, além de ser a segunda menina do grupo. Desde pequena, Jane foi muito próxima de sua irmã mais velha, Cassandra.

Família, educação e costumes da época

Dentro da sociedade, o Austen eles pertenciam à "pequena nobreza", um dos grupos com menos status dentro da aristocracia. Eles não tinham grandes riquezas e sua renda cobria apenas despesas básicas, então os irmãos de Jane tiveram que trabalhar desde pequenos. No entanto, ela afirmou por meio de cartas que viveram uma infância feliz em que o pai os estimulou intelectualmente.

Naquela época, as mulheres recebiam educação básica em casa, mas se a família tivesse possibilidades, elas poderiam mandar as filhas para a escola. Em 1783, Cassandra deveria ir estudar fora, mas Jane se recusou a deixá-lo ir para longe dela. Portanto, o padre decidiu enviá-los juntos para um internato em Oxford, mas foi por pouco tempo, já que ambos tiveram que voltar depois de adoecerem de tifo.

Em 1785, Jane e Cassandra frequentaram o internato Abbey na cidade de Reading; mas, por não poderem pagar a mensalidade, tiveram que voltar. A partir daí, eles continuaram seus estudos em casa, na qual seu pai era muito solidário.. O reverendo tinha uma extensa biblioteca e sempre motivado o hábito de ler no grupo familiar, portanto, Jane era uma leitora ávida desde criança.

Começo da escrita

Estima-se que Austen começou a escrever bem cedo, Prova disso são os cadernos feitos entre 1787 e 1793, que inclui vários contos. Essas pequenas histórias foram publicadas no início do século XX, como obras juvenis reunidas em três volumes. Algumas das histórias incluídas são: "Castelo de Lesley", "As Três Irmãs" e "Catherine".

novelas

A partir de 1795, Austen redigiu rascunhos de seus primeiros romances, que - depois de se mudar para Chawton em 1809 - ela revisou antes de serem publicados. O primeiro aceito por um editor foi: Senso e sensibilidade (1811). Esta narrativa foi submetida de forma anônima, apenas com a assinatura “Por uma senhora”. O trabalho teve uma boa aceitação por parte da crítica da época.

Após o sucesso deste livro, ele publicou Orgulho e Preconceito (1813), romance com o qual o escritor passou a ser reconhecido. Um ano depois, veio à tona Mansfield Park (1814), cujas cópias venderam rapidamente. No final do ano de 1815, a autora publicou sua última obra em vida, Emma. Em 1818 suas obras foram divulgadas Abadia de Northanger y Persuasão.

Morte

Jane Austen morreu em 18 de julho de 1817 na cidade de Winchester, com apenas 41 anos de idade. Atualmente, presume-se que sua morte se deva ao fato de sofrer da doença de Addison. Os restos mortais do escritor estão na Catedral de Winchester.

Romances de Jane Austen

  • Senso e sensibilidade (1811)
  • Orgulho e Preconceito (1813)
  • Mansfield Park (1814)
  • Emma (1815)
  • Abadia de Northanger (1818) trabalho póstumo
  • Persuasão (1818) trabalho póstumo

Sinopse do livro de Jane Austen

Senso e sensibilidade (1811)

A vida de Elinor, Marianne e Margaret Dashwood muda drasticamente após a morte de seu pai. O homem deixou todos os seus bens para o filho homem que teve em sua união anterior, John. Embora o herdeiro jure garantir a segurança e o conforto das mulheres indefesas, Fanny - sua esposa - complica tudo. A situação leva a as meninas deve se mover com sua mãe para uma casa pequena e humilde.

O enredo geral gira em torno de Elinor e Marianne, já que Margaret é apenas uma criança. A partir de sua nova realidade econômica e social, a vida faz seu papel, e as jovens começam a fazer novos amigos e passar pelos altos e baixos do amor.

Cada um assume a vida de maneira diferente; Elinor, que é o mais velho, é consideravelmente maduro e focado. Marianne, por sua vez, é uma menina apaixonada e muito sentimentaleu. Porém, no desenvolvimento da trama pode-se observar uma alternância nas personalidades dos protagonistas.

A história se passa em uma busca do amor segundo a perspectiva de cada jovem. Embora as complicações típicas da trama ocorram, as irmãs Dashwood estão divididas entre o bom senso e a sensibilidade dentro das tradições da aristocracia e burguesia da Inglaterra do século XVIII.

Orgulho e Preconceito (1813)

No final de Século XNUMX, em uma área rural da Inglaterra vive a família Bennet, o casal e suas 5 filhas: Jane, Elizabeth, Mary, Catherine e Lydia. Devido à sua situação econômica e os costumes arraigados da época, a mãe está focada em encontrar bons casamentos para eles. No entanto, ele está preocupado com Elizabeth -Lizzie- e seu caráter difícil, que afirma não ter nenhum desejo de se casar.

De repente, a chegada à cidade de dois jovens importantes - Sr. Bingley e Sr. Darcy - despertar a atenção da Sra. Bennet, que vê neles o futuro perfeito para suas filhas mais velhas, Jane e Lizzie. A partir daí, os dois relacionamentos passam por situações diferentes. O destino dos protagonistas está dividido entre preconceitos, arrogância, mistérios, paixões e muitos sentimentos confusos.

Mansfield Park (1814)

A pequena Fanny Price foi levada por seus tios ricos: a irmã de sua mãe, Lady Bertram; e seu marido, Sir Thomas. A família mora na mansão Mansfield Park com seus quatro filhos: Tom, Edmund, Maria e Julia. Devido a sua origem humilde, a jovem está sujeito a constante desprezo de seus primos, exceto Edmund, que a trata com gentileza e educação

Este cenário permanece por anos Fanny cresce com um tratamento diferente, embora sua gratidão a Edmund se transforme em um amor secreto. Um dia, Sir Thomas faz uma viagem importante, que coincide com a chegada a Mansfield Park dos irmãos Crawford: Henry e Mary.

A visita destes jovens arrastará esta família a vários enredos e seduções. Entre amores, confrontos e paixões, só Fanny —Do ponto de vista dele— pode anunciar essas ameaças latentes.

Emma (1815)

casa de madeira Emma é uma bela jovem inteligente, que tem como missão arranjar casamentos para todos aqueles que lhe são próximos. Para ela, sua vida amorosa não é uma prioridade, ela se preocupa mais com a de terceiros.

Tudo estava indo bem na vida de Emma, ​​até Taylor - sua governanta e amiga - vai se casar. Após este evento, a situação entre os dois muda notavelmente, então a jovem Woodhouse está mergulhado em profunda solidão. No entanto, a jovem busca enfrentar a tristeza por meio de sua vocação de casamenteira.

Emma logo encontra uma nova amiga, Harriet Smith, uma jovem humilde. Mesmo que a garota não tenha grandes aspirações, a casamenteira insiste em encontrar um marido rico. No entanto, Harriet se recusa a ser manipulada, o que acaba com os planos de Woodhouse. A verdade é que entre uma reviravolta muito diversa aliada ao aparecimento de personagens novos e bem estruturados, a "casadora" acaba numa situação que nunca pensou por si mesma.


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.