Entrevista com o autor independente Israel Moreno

Israel Moreno

A Actualidad Literatura teve o prazer de entrevistar o autor independente Israel Moreno. Este sevilhano residente em Ceuta, já conseguiu publicar três livros, “Amanhã é Halloween”, a sequência “Hoje é Halloween”, e a comédia romântica “Atrás da minha música”.

Este professor apaixonado por banda desenhada, videojogos e cinema, dá-nos um pouco do seu tempo para o conhecermos um pouco melhor.

Notícias da literatura: Entre outras coisas, você se define como um amante dos livros, de onde vem o seu amor pela literatura? O que o levou a escrever?

Israel Moreno: Escrever um romance sempre foi uma das minhas aspirações. Mas nunca fui em frente. A obra "Amanhã é o Halloween" nasceu graças a um roteiro de um curta-metragem que chegou a oitenta páginas e ficou escondido em um disco rígido por quatro anos. Um dia pensei que poderia divulgá-lo através de um romance e comecei a trabalhar. Foi assim que nasceu "Amanhã é Halloween".

AL: Então, amanhã é Halloween foi a primeira coisa que você escreveu?

IM: Exato.

AL: De quem ou de quem você se inspira quando escreve?

IM: Minhas principais fontes de medo vêm dos filmes. Tenho lido menos literatura de terror do que gostaria porque há muitos gêneros que também me interessam, como ficção histórica, ficção policial etc. Dos autores modernos, não se pode deixar de mencionar Stephen King. Mas os dois grandes romances que me inspiraram são Drácula de Bran Stoker e Frankenstein de Mary Shelley. Eles são absolutamente essenciais. Mas minha maior base está no amor pelo cinema em geral.

AL: Alguns de nós têm certos hobbies quando se trata de escrever. Qual é a tua? Você tem um ritual, hora do dia ou lugar favorito para se inspirar?

IM: Nenhum. Sou um caos nesse sentido e às vezes me surpreendo como as obras saem tão bem organizadas nas tramas e personagens. Escrevo quando posso e não tenho muito tempo. Tenho uma equipe profissional que trabalha comigo para que não haja rachaduras na história ou nas correções.

AL: Como você disse, você sempre teve vontade de escrever um livro, como foi a experiência ao publicar seu primeiro trabalho?

IM: Amanhã é Halloween vi a luz quando participei do primeiro concurso indie organizado por ELMUNDO e AMAZON em 2014. Embora não tenha conseguido entrar na final, ajudou-me a dar-me a conhecer e a divulgar o meu trabalho. Ele também teve uma boa recepção de críticas e opiniões. Isso me fez começar a escrever. Por ser um hobby, não creio que teria seguido este caminho se tivesse uma recepção fria. Mas tive a sorte de ter muito apoio e isso me fez levar essa literatura muito mais a sério.

AL: Como leitor apaixonado, quais livros você diria que mais impressionaram você?

IM: Ler O Senhor dos Anéis de Tolkien foi um antes e um depois para mim. Se tenho que agradecer a alguém pela minha paixão pela leitura, acho que é ele. Não sei pelo que escrevo, quase diria que devo a todos aqueles cineastas que me fizeram sonhar com histórias fantásticas, aterrorizantes e até comédia romântica musical como na minha última publicação.

AL: Tolkien à parte, quem são seus autores favoritos?

IM: Tony Jiménez, Fernando Gamboa, Jorge Magano, Ulises Bértolo. Quem não os conhece deve procurar referências deles na internet. Eles são todos ótimos e alguns reis da editoração eletrônica.

AL: Como escritor freelance, com qual autor você gostaria de colaborar?

IM: Com Tony Jiménez, autor de Málaga que é para mim uma referência na literatura de terror nacional. Ele já tem um bom punhado de livros de excelente qualidade como BLOOD STORM, CINCO SEPULTURAS SEM MESA ou AQUELE QUE ESCONDE.

AL: No momento, você interpretou dois gêneros diferentes, terror e comédia romântica. Já pensou em usar um pseudônimo?

IM: Nunca, e também não me passou pela cabeça criar uma obra e que as pessoas não saibam que sou o autor. Nesses níveis independentes, não faz sentido.

AL: Seu primeiro trabalho se destacou graças a um roteiro de curta-metragem. Se alguém decidisse levar seus trabalhos ao cinema, qual deles você gostaria que fosse? Quem você gostaria de jogar?

IM: A verdade é que adoraria ver todas as minhas obras levadas ao cinema. Tenho uma forma de escrever muito cinematográfica e qualquer um dos meus trabalhos seria ideal nesse formato. Embora "Behind my music" seja o trabalho ideal, já que é um musical e nas telonas ficaria com o que realmente deveria ser. A saga do Halloween prefere deixar para uma série, acho que é onde funcionaria melhor. A verdade é que ver qualquer uma das minhas obras em qualquer um desses formatos me encheria de alegria. Eu não me importo com quem fez isso, mas sempre dentro de um mínimo de cânones de qualidade porque senão seria até um incentivo.

AL: O que era um hobby para você se tornou uma parte importante da sua vida. O que você aconselharia a alguém que está começando a escrever?

IM: Eu diria a você para ter paciência e organizar bem um plano. A presença nas redes sociais é fundamental. Fazer um trailer de livro também ajuda muito. Mas o ponto principal é que você escreve um bom livro. Nenhum livro de receitas de autopromoção vai ajudá-lo se não houver algo com potencial por trás dele. Para mim, tem funcionado muito enviar o livro para blogs literários em troca de resenhas (sabendo que você se expõe a uma resenha negativa, mas tem que pular e confiar em seu produto). Então, o boca a boca será essencial, embora seja lento, é o motor do sucesso.

AL: Por último, mas não menos importante ... Você tem um projeto em mãos?

IM: Bem, publiquei em outubro do ano passado "Hoje é Halloween", a continuação do meu primeiro livro "Amanhã é Halloween". Levei dois anos de trabalho árduo e acho que será a minha despedida do gênero terror, embora não do gênero jovem adulto, que é onde eu me movo melhor. No momento, estou um pouco parado. Descansado. Eu precisava, mas tenho vários trabalhos em mente e logo estarei escrevendo novamente.

Esperamos que Israel comece a trabalhar com essa ideia que está em sua mente e, com sorte, em breve poderemos desfrutar de outro romance seu. Por enquanto, você pode seguir seus passos em lapandilladelmonstruo.com.


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.

bool (verdadeiro)